Policiais civis fazem manifestação na assembléia Legislativa

PM informou que a corporação não acompanha a manifestação; concentração juntou 800 manifestantes

Ítalo Reis, do estadao.com.br,

23 de outubro de 2008 | 15h21

Policiais civis em greve participam de um plenário na Assembléia Legislativa de São Paulo na tarde desta quinta-feira, 23. Segundo o presidente do Sindicato dos Investigadores da Polícia Civil (Sisep), João Batista Rebouças, a mobilização que fez concentração em frente ao prédio da Alesp, no Ibirapuera, junta cerca de 800 manifestantes.   Veja também: Policiais civis recuam e decidem manter greve em SP Governo eleva proposta para policiais após confronto em SP Todas as notícias sobre a greve         A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) informou que nenhuma rua na região estava interditada por conta da manifestação, mas que monitorava a manifestação dos grevistas. De acordo com Rebouças, o protesto é pacífico e alguns manifestantes continuam ao lado de fora da assembléia pois a sessão no plenário está cheia.   A Polícia Militar informou que a corporação não acompanha a manifestação. Na última semana, os grevistas da Polícia Civil entrou em confronto com os policiais militares na região do Palácio dos Bandeirantes, sede do governo do Estado de São Paulo. Por conta do conflito, 32 pessoas ficaram feridas. Desta vez, no entanto, a manifestação segue pacificamente no local, segundo o presidente do Sisep.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.