Polícia revisa inquérito sobre Isabella; entrega fica para quarta

O promotor que acompanha o caso, Francisco Cembranelli, deverá se manifestar na segunda-feira

Carolina Freitas, da Agência Estado,

29 de abril de 2008 | 19h36

Os delegados do 9.o Distrito Policial, Calixto Calil Filho e Renata Helena Pontes, já estão revisando o inquérito policial e o relatório final do caso da menina Isabella Nardoni. Os documentos, que têm mais de 1.100 páginas em seis volumes, serão entregues nesta quarta-feira, 30, ao Ministério Público Estadual.   VEJA TAMBÉM Donos de imóveis lucram com reconstituição  'Há mais que indícios' contra o casal, diz promotor Fotos do apartamento onde ocorreu o crime  Cronologia e perguntas sem resposta do caso  Tudo o que foi publicado sobre o caso Isabella     Segundo a assessoria da Secretaria da Segurança Pública, os delegados não devem ir pessoalmente ao Forum de Santana, mas sim mandar um policial civil até lá.        Segundo a assessoria, Calixto e Helena não comentaram sobre o possível pedido de prisão preventiva do casal Alexandre Nardoni e Ana Carolina Jatobá, já indiciados pela morte de Isabella. Os delegados alegaram que o inquérito está sob sigilo de Justiça.   Na quarta termina o prazo de 30 dias para a entrega do inquérito policial, e o documento pode ser protocolado no Fórum de Santana até 19h.   O promotor que acompanha o caso, Francisco Cembranelli, terá 15 dias para decidir se apresenta denúncia contra o casal ou se arquiva o inquérito, mas já adiantou que pretende dar seu parecer já na próxima segunda-feira.

Tudo o que sabemos sobre:
caso isabella

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.