Polícia retira explosivos de caixas eletrônicos na Grande São Paulo

Dupla invadiu agência, implantou dinamite, mas fugiu antes da detonação; Gate foi acionado e retirou artefato com segurança

Marco Antônio Carvalho, Especial para o Estado

22 de outubro de 2014 | 08h40

SÃO PAULO - A Polícia Militar retirou dinamite de caixas eletrônicos na manhã desta quarta-feira, 22, em Cotia, na Região Metropolitana de São Paulo. Os explosivos foram colocados por criminosos que pretendiam roubar um banco, mas fugiram antes da conclusão da ação.

A ação da PM nas primeiras horas da manhã desta quarta-feira forçou a interdição da pista local da Rodovia Raposo Tavares. Enquanto os policiais trabalhavam na agência, a Rodovia registrou dois acidentes com veículos nas proximidades do local, o que causou lentidão na região. A PM não confirma a relação entre as batidas, que não deixaram feridos, e a interdição para a retirada dos explosivos. Às 7h30, as pistas interditas já haviam sido liberadas.

De acordo com informações da PM, dois homens invadiram a agência do banco Santander na Rua Ushima Kira, próximo à rodovia, às 3h50. O alarme do local disparou e a PM foi acionada e se deslocou para o banco, mas não encontrou os criminosos quando chegou. Eles deixaram para trás uma quantidade não revelada de explosivos implantados nos caixas, que não chegaram a ser detonados.

Com isso, o Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) da PM foi à área para retirar com segurança a dinamite. No início da manhã, a agência bancária já havia sido liberada sem qualquer dano. A ocorrência deverá ser registrada na delegacia de Cotia./COLABOROU FERNANDO ARBEX
Tudo o que sabemos sobre:
São PauloCotiaRodovia Raposo Tavares

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.