Polícia registra mais 3 explosões de caixas de banco no interior de SP

Ataques ocorreram em Monte Azul Paulista, Campos do Jordão e Narandiba; em dois casos, o dinheiro não foi levado

José Maria Tomazela, O Estado de S. Paulo

10 de dezembro de 2015 | 15h54

SOROCABA - Em poucas horas, a Polícia Militar registrou três ataques a caixas eletrônicos bancários com explosivos em diferentes cidades do interior de São Paulo, na madrugada desta quinta-feira, 10. Em dois casos, o dinheiro não foi levado. Um suspeito foi preso.

Em Monte Azul Paulista, durante a ação, os criminosos dispararam contra duas viaturas da Polícia Militar que estavam estacionadas na praça central. Os policiais revidaram e, durante a troca de tiros, outros bandidos explodiram três caixas eletrônicos de uma agência da Caixa Econômica Federal.

Segundo a PM, o ataque às viaturas foi uma estratégia para desviar a atenção do assalto ao banco, que fica a trezentos metros do local. Os veículos foram alvejados, mas nenhum policial se feriu. Os criminosos fugiram com o dinheiro. A quantia levada não foi divulgada. 

Em Campos do Jordão, um bando armado rendeu os seguranças e atacou os caixas bancários instalados numa padaria no bairro Santa Cruz. Os equipamentos foram danificados para a colocação de bananas de dinamite, mas a polícia chegou antes que os explosivos fossem detonados. Os criminosos fugiram sem levar nada. Três carros furtados, usados na fuga, foram abandonados nas imediações. Os explosivos foram retirados pelo Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) da PM.

No terceiro ataque, em Narandiba, oeste paulista, criminosos explodiram um caixa eletrônico do Bradesco, na região central da cidade. A explosão destruiu o equipamento, mas a gaveta contendo o dinheiro não abriu e nada foi levado. Um suspeito de 22 anos foi preso por policiais militares depois de fugir do local do ataque.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.