Polícia reconstitui assassinato de menino de 9 anos em Embu das Artes

Miguel Cestari Ricci dos Santos foi morto com um tiro, dentro da sala de aula da escola em que estudava

Priscila Trindade, Central de Notícias

05 de abril de 2011 | 12h30

SÃO PAULO - A Polícia Civil realiza na manhã desta terça-feira, 5, a reconstituição do assassinato do menino Miguel Cestari Ricci dos Santos, de 9 anos, morto no dia 29 de setembro de 2010, com um tiro na barriga, dentro da sala de aula da Escola Adventista de Embu das Artes, em São Paulo.

 

Relatos de testemunhas apontam um dos alunos como autor do disparo. Os pais do menino negaram o envolvimento do filho no episódio ou terem qualquer tipo de arma em casa. O casal já foi ouvido pela polícia. Miguel cursava a 4.ª série e morreu após ser atingido por uma bala de revólver calibre 38.

 

Laudo do Instituto de Criminalística (IC) confirmou que a mochila e o uniforme escolar do menino suspeito de ter atirado acidentalmente em Miguel foram lavados. Os peritos apuraram que não havia sinais de pólvora na mochila e nas roupas. A calça e a camisa do uniforme estavam úmidas quando foram analisadas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.