Polícia prende três suspeitos de assalto a casa no Morumbi

Quatro assaltantes fizeram família refém após invadir uma casa nesta manhã na zona sul da capital paulista

Fabio M. Michel, da Central de Notícias,

25 de julho de 2009 | 17h58

Três dos quatro assaltantes que invadiram uma casa no bairro do Morumbi, zona sul de São Paulo, e fizeram parte de uma família refém, na manhã deste sábado, 25, já foram presos. Eles estavam escondidos no porão da própria residência.

A tentativa de roubo começou a dar errado quando a polícia cercou o imóvel, acionada por um vizinho que presenciou a ação. Eram 10h45 e, por cerca de duas horas, eles mantiveram cinco pessoas reféns (a informação inicial era de que seriam três pessoas): a dona da casa, uma criança, dois idosos e uma empregada.

Por volta das 12h40 os assaltantes liberaram as vítimas e as fizeram acreditar que fugiriam pelo muro dos fundos, ingressando num denso matagal. Em vez disso, porém, os ladrões preferiram se esconder em um porão da casa, provavelmente acreditando que os policiais iriam embora após a liberação das vítimas.

Mas a polícia resolveu fazer uma varredura no imóvel e acabou encontrando o grupo, que só saiu do cômodo depois que bombas de gás lacrimogêneo foram lançadas no seu interior. Um deles, no entanto, realmente havia escapado.

Com os detidos foram encontradas três armas. As buscas pelo quarto integrante da quadrilha continuam. O caso foi registrado no 89º DP da capital.

Mais conteúdo sobre:
AssaltoSão PauloMorumbi

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.