Reprodução
Reprodução

Polícia prende suspeitos de roubar R$ 20 mi de transportadora

Foram apreendidos malotes de dinheiro, duas motos e três veículos; bando estava em casa na zona sul

Josmar Jozino, do Jornal da Tarde, e Daniela do Canto, do estadao.com.br,

08 de dezembro de 2009 | 07h04

A Polícia Militar prendeu na segunda-feira, 7, cinco homens e uma mulher suspeitos de participar do furto de R$ 20 milhões da Transportadora Transnacional, no bairro do Jaguara, zona oeste da capital. O bando foi surpreendido na casa de número 137 da Rua Engenheiro Felipe Guiton, no Jardim Amália, zona sul da capital, e levado para o 47º DP (Capão Redondo). Uma vizinha viu a quadrilha contando dinheiro e telefonou para o 190.

 

Entre os presos, no entanto, não está o homem que se identificava como Mario Mendes Mitsui, conhecido por "Japonês". Segundo a Polícia, foi ele quem comprou, por R$ 150 mil, a casa da rua João Mascaro, 190, de onde partiu o túnel de 150 metros em direção à empresa de valores. Com o bando foram apreendidos malotes com cerca de R$ 4 mil em moedas e notas, duas motos e três veículos, incluindo um Fiat Doblò prata, o mesmo tipo de carro visto na garagem da residência utilizada pelos criminosos.

 

A quadrilha foi presa na casa de Fabíola Rodrigues Costa, 21 anos. Também foram presos Lafaiete Araújo Oliveira, 23 anos, Ronie Aparecido de Sousa, 29 anos, Marcelo da Silva Pereira, 21 anos, Maiko Antonio Bezerra Cruz, 20 anos, e Weviton Silva de Oliveira, 31 anos.

 

Estima-se que R$ 20 milhões tenham sido levados da Transnacional. Oficialmente, a estimativa é de R$ 10 milhões. Fontes da polícia afirmaram que esse valor se refere ao montante recolhido pelos carros-fortes somente no sábado. Os outros R$ 10 milhões corresponderiam ao recolhimento de domingo.

 

O delegado Waldomiro Milanesi deve falar sobre o caso nesta terça-feira, na Divisão de Crimes contra o Patrimônio do Departamento de Investigações sobre Crime Organizado (Deic).

 

Texto atualizado às 13h25.

Tudo o que sabemos sobre:
roubotransportadoraassalto

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.