Keiny Andrade/AE
Keiny Andrade/AE

Polícia prende suspeito de assaltar joalheria no Shopping Cidade Jardim

Preso em casa, Jefferson Luiz de Lima Tomé disse ter entrado no crime por possuir metralhadora

Marcelo Godoy e Priscila Trindade - estadão.com.br

18 de maio de 2010 | 14h47

SÃO PAULO - Um suspeito de assaltar a joalheria Tiffany & Co., do Shopping Cidade Jardim, no Morumbi, zona sul de São Paulo, foi preso nesta terça-feira, 18, na região do Parque São Lucas, na zona leste da capital.

 

Veja também:

linkLadrões escolheram as joias que queriam no Cidade Jardim

linkApós assalto, 8 homens reforçam segurança do shopping

 

Jefferson Luiz de Lima Tomé, de 31 anos, foi encontrado em casa. Ele disse que foi chamado por crime por ser dono da metralhadora usada na ação. O preso está no 42º Distrito Policial.

 

A loja foi assaltada por seis homens fortemente armados e encapuzados no último domingo. Eles levaram anéis, pulseiras, brincos e outras joias. A ação foi gravada por câmeras do shopping.

 

A Tiffany não informou à polícia o valor do prejuízo. Os ladrões encheram três sacos com joias. A joalheria ficou fechada para que os funcionários pudessem analisar quais mercadorias foram roubadas. Deve ser reaberta na quarta-feira.

 

Tudo o que sabemos sobre:
Tiffanyviolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.