Polícia prende mãe e filhos que traficavam em Itapevi

Policiais encontram mais de 400 papelotes de cocaína, um tijolo de maconha e cerca de 500 pedras de crack

Paulo R. Zulino, do estadao.com.br,

14 de agosto de 2007 | 16h24

A polícia prendeu na noite de segunda-feira, 13, a cabeleireira S.R.C., de 40 anos, e seus dois filhos, acusados de controlar um ponto de drogas no município de Itapevi, na Grande São Paulo. Além disso, foram recolhidos mais de 400 papelotes de cocaína, um tijolo de maconha e cerca de 500 pedras de crack, além de material para a comercialização dos entorpecentes. Por meio de denúncia anônima, os policiais descobriram que um Passat verde teria descarregado drogas e armas em um endereço no bairro dos Abreus. Foram apreendidos no local 402 papelotes de cocaína, 495 pedras de crack, 160 unidades pequenas e um tijolo de maconha. Também foram encontrados uma balança de precisão, cadernos, embalagens plásticas, documentos e cartões magnéticos de diversas pessoas, oito celulares, R$ 1.085 em dinheiro e uma máquina de cartão de crédito com diversos comprovantes de pagamento. O veículo indicado na denúncia também foi apreendido e nas buscas os policiais não encontraram armas. S. foi detida junto com seu filho P.R.C., de 22 anos, e com o eletricista E.D.C, de 28 anos, que estava na casa. Eles vão responder por tráfico e associação para o tráfico de drogas. Os dois rapazes serão levados para o Centro de Detenção Provisória de Cotia e a mãe para a Cadeia Pública Feminina de Itapevi. O outro filho, E.G.C.P., de 17 anos, foi encaminhado à Vara de Infância e Juventude.

Tudo o que sabemos sobre:
Tráfico de drogasItapevi

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.