Reprodução/Gogle Street View
Reprodução/Gogle Street View

Polícia prende empresária suspeita de liderar facção criminosa em SP

Procurada pelo sequestro de uma empregada doméstica, mulher foi encontrada em uma lanchonete de supermercado na Marginal do Tietê

Luiz Fernando Toledo, O Estado de S. Paulo

24 Julho 2017 | 21h04

A Polícia Civil prendeu uma empresária de 27 anos apontada como uma das líderes de uma facção criminosa. A prisão aconteceu no início da noite deste domingo, 23, em Cangaíba, zona leste de São Paulo. Ela era procurada pelo sequestro de uma empregada doméstica.

Segundo informações da Secretaria da Segurança Pública (SSP), a prisão foi efetuada por agentes da 6ª Delegacia da Divisão de Crimes contra o Patrimônio do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic). A mulher foi encontrada em uma lanchonete de um hipermercado, na Marginal do Tietê, enquanto esperava para comprar um lanche.

Ela era procurada desde o fim de junho, quando os policiais resgataram a empregada doméstica de um cativeiro. Neste dia foram presos dois homens e duas mulheres. Já a acusada tinha uma rota de fuga nos fundos da casa e conseguiu escapar. Ela responderá pelo sequestro da empresada. Também será apurada a relação da mulher com a facção.

 

Mais conteúdo sobre:
Polícia Civil São Paulo [SP]

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.