Polícia ocupa favela em Jundiaí para combater tráfico

Ação no Jardim São Camilo ocorreu após denúncia de comércio de drogas e armamento pesado

Solange Spigliatti, da Central de Notícias,

23 de setembro de 2009 | 11h34

Policiais da Tropa de Choque de São Paulo, do Regimento de Cavalaria, do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) e do Grupo de Operações Especiais (GOE) ocuparam, na manhã desta quarta-feira, 23, a favela do Jardim São Camilo, em Jundiaí, no interior de São Paulo. Segundo a Secretaria de Segurança Pública, a ação faz parte da Operação Saturação por Tropas Especiais (Oste).

 

De acordo com o coronel Eduardo Felix, comandante da Tropa de Choque, a operação começou a partir de denúncias de tráfico de armamento pesado e de drogas, entre outros delitos naquela região, e não tem data para terminar. Neste momento, estão sendo cumpridos mandados de prisão, busca e apreensão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.