Polícia Militar cumpre reintegração de posse em Iperó, no interior

Cerca de 500 sem-teto são retirados e alegam que proprietário de área concordou em cedê-la; despejo ocorre de maneira pacífica

José Maria Tomazela, O Estado de S. Paulo

12 Maio 2015 | 09h23

SOROCABA - Uma operação da Polícia Militar cumpre nesta terça-feira, 12, mandado de reintegração de posse contra cerca de 500 sem-teto que ocupam uma área de 23 hectares no bairro Realengo, em Iperó, na região de Sorocaba, interior de São Paulo.

Foram mobilizados 120 policiais, com apoio do Corpo de Bombeiros e ambulâncias. Até as 9 horas, o despejo dos ocupantes ocorria sem reação. Após a retirada das famílias, as construções - a maioria, barracos de madeira - seriam demolidas.

O terreno foi ocupado há cerca de dois anos. Apesar de ser área particular, o pedido de retirada dos moradores foi feito pela prefeitura, alegando risco social.

Em abril deste ano, a juíza Heloísa Helena Nogueira Lucas, de Boituva, deu liminar determinando a desocupação do terreno. Os ocupantes alegam que o proprietário da terra, que mora em São Paulo, teria concordado com a cessão do imóvel. De acordo com a prefeitura, não houve autorização formal.

Mais conteúdo sobre:
IperóSão Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.