Polícia localiza cemitério clandestino na zona leste de SP

Pelo menos seis corpos estariam enterrados no terreno

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

26 de abril de 2011 | 04h28

SÃO PAULO - Investigadores da 4ª Delegacia do Patrimônio, do Departamento de Investigações sobre o Crime Organizado (Deic), localizaram, no início da noite de segunda-feira, 25, na região de Artur Alvim, na zona leste de São Paulo, um terreno onde vários corpos de vítimas de execução podem ter sido enterrados.

O terreno, localizado na rua comendador Andrade Machado, no Jardim São José, foi encontrado pelos policiais após a prisão de Kléber Henrique dos Santos e Fábio Régis Mendes, suspeitos pelo assassinato de um rapaz, que ainda não foi identificado por peritos do IIRGD(Instituto de Identificação Ricardo Gumbleton Daunt), da Polícia Civil.

O corpo, com marca de tiros, estava em uma caçamba na rua Padre Francisco de Moura Rolim, a 200 metros do terreno. Informações levaram os policiais até a dupla, que mora na mesma região e é suspeita de executar desafetos a mando do Primeiro Comando da Capital (PCC), facção criminosa que atua dentro e fora dos presídios do Estado.

Pelo menos seis corpos estariam enterrados no terreno encontrado pelos policiais, que estiveram no local com os bombeiros. As escavações e buscas devem ser retomadas a partir das 11 horas desta terça-feira, 26.

 

Estadão ESPN:

Acompanhe o 'Metrópole' na rádio de segunda a sexta, das 9h30 às 10h30

Tudo o que sabemos sobre:
deiccemitériocladestinozona leste

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.