Divulgação
Divulgação

Polícia investiga esquema de produção de documentos falsos em SP

No computador de suspeito foram encontradas bases digitalizadas para criação de documentos

Solange Spigliatti, estadão.com.br

15 de setembro de 2011 | 12h38

SÃO PAULO - A Polícia civil está investigando um esquema de produção de documentos falsos para integrantes de bandos envolvidos em delitos. As investigações começaram a partir da prisão de um protético na tarde desta quarta-feira, 14, no Itaim paulista, na zona leste de São Paulo.

 

No computador do suspeito foram encontradas centenas de fotos e bases digitalizadas para a criação de todo tipo de documentação. O acusado, segundo a polícia, contava até com listagens de beneficiários de seguro desemprego contendo endereço e demais dados cadastrais, que permitem a criação de 'fantasmas' para abrir contas correntes e movimentar o dinheiro de facções.

 

A equipe apurava a procedência de documentos falsos utilizados por integrantes de facções criminosas detidos em ações recentes e localizaram o protético Jeferson da Silva Souza, de 35 anos. As informações que incriminam o suspeito estava em um pen-drive, dispositivo portátil de armazenamento de dados.

 

O equipamento era responsável por inicializar programas e carregar arquivos digitalizados para a produção de documentos. Também apresentava listagens com dados de beneficiários de programas de renda do governo federal.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.