Polícia Federal diz que funcionários são em nº suficiente

Em resposta a um e-mail enviado pela reportagem, a Superintendência da Polícia Federal em São Paulo informou que "tem o número suficiente de (funcionários) contratados para atender sua necessidade". A PF descarta, por ora, inaugurar novos postos de atendimento na capital. Assinala ainda que a demanda por passaportes tem "picos variáveis, o que exige respostas pontuais". Quando necessário, diz a corporação, o horário de atendimento é estendido, nos fins de semana.

, O Estado de S.Paulo

26 Dezembro 2010 | 00h00

Procurada, a Casa da Moeda, responsável pela confecção dos documentos em todo o País, afirmou que "a demanda aquecida não está afetando a produção" de passaportes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.