Polícia estoura depósito de produção de jogos piratas na zona norte

Uma pessoa foi presa na operação; policiais investigam qual era o destino do material apreendido

Pedro da Rocha, da Central de Notícias,

10 de novembro de 2010 | 21h49

SÃO PAULO- A polícia estourou, nesta quarta-feira, 10, um laboratório de games piratas na rua Ministro Genésio Almeida Mourana, na Vila Nova Mazzei, zona norte da Capital. Os policiais prenderam o técnico em eletrônica Cristian Pereira de Oliveira, de 35 anos, responsável pelo local.

 

A equipe do Departamento de Investigações sobre Crime Organizado (Deic) apurava informações sobre um depósito de cargas roubadas, mas encontraram o esquema de produção de mídias de jogos. Oliveira foi autuado por crime contra a propriedade imaterial. A polícia apura qual era o destino dos CDs apreendidos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.