Polícia e MPE apreendem cofre e documentos de Aref

A Polícia Civil e o Ministério Público Estadual apreenderam ontem um cofre na casa de Hussain Aref Saab e documentos em um escritório da SB4 Patrimonial em São Paulo. Augusto de Arruda Botelho, advogado de Aref, confirmou a ação, mas afirmou que os mandados são "absolutamente desnecessários e têm o objetivo de humilhar publicamente" o ex-diretor.

O Estado de S.Paulo

15 de junho de 2012 | 03h03

Botelho afirma que já sabia da possibilidade de execução dos mandados desde segunda-feira e havia colocado "toda a documentação à disposição do Ministério Público e da Polícia Civil".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.