Polícia diz ter fortes indícios sobre suspeito

MORTE DE ALUNO

,

03 de outubro de 2010 | 00h12

O depoimento de testemunhas sobre a morte de Miguel Cestari Ricci dos Santos, de 9 anos, na quarta-feira passada, reforçam as suspeitas da polícia que ele tenha sido baleado acidentalmente por um colega do Colégio Adventista em Embu, Grande São Paulo. "Temos fortes indícios contra esse menino (atirador). Se fosse maior seria indiciado", disse o delegado Carlos Eduardo Vieira Ceroni, do Setor de Homicídios da Delegacia Seccional de Taboão da Serra. A polícia também sabe que a arma usada era velha, pois a bala ficou alojada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.