Polícia apura estupro de aluna da USP em Lorena

A Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Lorena, a 190 km de São Paulo, investiga uma ocorrência de estupro envolvendo uma estudante do câmpus da Universidade de São Paulo (USP) da cidade. O crime teria acontecido durante uma festa em uma república de estudantes. A aluna, que é de Piracicaba, foi ouvida pela delegada Darlene Ultramaris, que já encaminhou intimações para três rapazes acusados de terem praticado o crime.

JOÃO CARLOS DE FARIA, ESPECIAL PARA O ESTADO, LORENA, O Estado de S.Paulo

30 Abril 2013 | 02h01

O caso foi na sexta-feira, durante uma festa. O boletim de ocorrência registra estupro consumado. A mãe da vítima, que está em Lorena, não quis comentar o caso. Segundo colegas da jovem, ela e a mãe estão "muito abaladas". A USP informou que acompanha o caso e dá apoio e assistência à aluna.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.