PM terá mais cem homens em ação na cracolândia

No dia em que a operação policial na cracolândia, no centro de São Paulo, completou um mês, o comandante-geral da PM, coronel Álvaro Camilo, comemorou o fim das aglomerações de usuários de crack na região da Luz. "Quebramos a logística do tráfico como era antes. É utopia achar que o consumo de crack na rua vai acabar, mas vamos focar a migração dos usuários para aumentar a segurança no centro e ajudar essas pessoas."

O Estado de S.Paulo

04 de fevereiro de 2012 | 03h02

Para isso, a PM vai colocar mais cem policiais nas ruas e instalar três bases comunitárias. Segundo Camilo, a participação da população é crucial. "Queremos que liguem para o 190 se avistarem cenas de tráfico ou consumo." A corporação já registrou 1.420 denúncias desde 3 de janeiro. / RODRIGO BURGARELLI

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.