PM suspeito de matar comerciante e coronel é preso em SP

Soldado ainda é investigado pela participação na morte de um entregador de pizzas, em 2007

Priscila Trindade, do estadão.com.br

11 de junho de 2010 | 20h21

SÃO PAULO - O soldado da Polícia Militar Pascoal dos Santos Lima foi preso na noite de quinta-feira, 10, suspeito de assassinar um comerciante, em novembro de 2006, dono de duas farmácias na zona norte de São Paulo.

 

O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) também investiga a participação do soldado na morte do coronel José Hermínio Rodrigues, em 2008. Na época do crime, Rodrigues comandava a PM na zona norte da capital.

 

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), o soldado ainda é investigado pela participação na morte de um entregador de pizzas, em 2007.

 

O mandado de prisão foi cumprido pela Corregedoria da PM. O soldado Pascoal foi levado ao Presídio Militar Romão Gomes, na zona norte.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.