PM sofre 4 ataques em 3 dias e entra em alerta

RIO

, O Estado de S.Paulo

19 de setembro de 2010 | 00h00

Dois homens em uma moto atacaram a tiros um carro do 17.º Batalhão da PM usado no patrulhamento da Ilha do Governador, na zona norte do Rio, na madrugada de ontem, na Praia do Rosa. Foi o quarto de uma sequência de ataques a policiais militares que começou na noite de quinta-feira. Ainda assim, o setor de inteligência da PM acredita que esse tenha sido um caso isolado. Os policiais que estavam dentro da patrulha não se feriram.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.