PM registra novo caso de agressão a homossexuais na Paulista

Ninguém foi preso e ainda não há suspeitas sobre os autores da agressão

Kívia Costa, estadão.com.br

05 Dezembro 2010 | 12h20

Um operador de telemarketing e um estudante foram agredidos na madrugada deste sábado na altura do número 1500 da Avenida Paulista. Os jovens de 28 anos disseram à PM que foram atingidos porque estavam namorando no local.

 

A Polícia atendeu ao chamado de agressão por volta das 5h e levou os dois para o pronto-socorro Vergueiro. O estudante permaneceu no posto médico em observação.

 

O caso foi registrado no 5ºDistrito Policial da Aclimação e as vítimas ainda serão ouvidas.

 

Segundo a Secretaria da Segurança Pública, ninguém foi preso e ainda não há suspeitas sobre os autores da agressão.

Mais conteúdo sobre:
agressão avenida paulsita homofobia

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.