PM que fazia segurança de Eurico Miranda morre baleado no Rio

Sargento seguia para encontro com ex-dirigente do Vasco quando foi atingido em suposta tentativa de assalto

Ricardo Valota, do estadao.com.br,

01 de dezembro de 2009 | 06h17

O sargento Ricardo Guimarães Monteiro, que prestava segurança para Eurico Miranda, ex-presidente do Vasco da Gama, foi morto na noite desta segunda-feira, 30, durante uma suposta tentativa de assalto na Avenida Maracanã, próximo à Universidade Estadual do Rio de Janeiro (Uerj), na zona norte do Rio.

 

Monteiro estava no banco de passageiro de um veículo Chrysler quando foi baleado. Ele chegou a ser socorrido por policiais militares do 6º Batalhão, mas morreu no Hospital Salgado Filho.

 

Ao volante do veículo estava outro segurança de Eurico. Os dois, segundo o ex-dirigente do Vasco, seguiam para um restaurante no bairro de São Cristóvão para encontrá-lo, após uma comemoração dos 20 anos do título de campeão brasileiro de 1989.

Tudo o que sabemos sobre:
segurançamorte

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.