PM fecha bingo clandestino na zona leste de SP

Trinta máquinas de vídeo-bingo foram lacradas e seis pessoas levadas para prestar esclarecimentos

Fabiana Marchezi, do estadao.com.br,

09 de setembro de 2007 | 15h59

A Polícia Militar fechou um bingo clandestino na Rua da Mooca, na zona leste da capital paulista, na noite do sábado, 8. Trinta máquinas de vídeo-bingo foram lacradas e seis pessoas levadas para prestar esclarecimentos no 18º Distrito Policial. Em seguida, foram liberadas.   De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Estado (SSP), o gerente do estabelecimento, de 54 anos, afirmou que a casa já estava alugada há algum tempo, mas que as atividades de jogos se iniciaram há uma semana. A polícia também apreendeu R$ 520 e um cofre fechado. Nenhum funcionário tinha conhecimento do segredo para abri-lo.   Ainda segundo a SSP, as máquinas permanecem lacradas no local sob responsabilidade do gerente. Será realizado exame pericial nas máquinas e, confirmada a contravenção, o gerente e o proprietário da casa serão indiciados.

Tudo o que sabemos sobre:
Bingo clandestino

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.