PM é perseguido e morto por homens em motos na zona sul de São Paulo

Policial estava à paisana e levava a mulher à sogra, quando duas motocicletas se aproximaram e ao menos dois suspeitos dispararam três tiros

Victor Vieira, O Estado de S. Paulo

09 de agosto de 2013 | 08h18

SÃO PAULO - Um policial militar foi perseguido e morto por dois motociclistas no Jardim Souza, zona sul de São Paulo, por volta da 1h20 da madrugada desta sexta-feira, 9. Segundo a PM, a vítima, que também pilotava uma moto, havia percebido a movimentação suspeita dos dois veículos e deixado a mulher em frente a uma padaria do bairro. À distância, ela escutou os três disparos que atingiram o marido, no peito e na cabeça.

O soldado, de 24 anos, foi levado em estado grave ao pronto-socorro do Hospital Municipal M' Boi Mirim, também na zona sul, mas não resistiu. O policial estava à paisana e levava a mulher para uma visita à sogra.

A PM não tem suspeitas sobre o motivo ou a autoria do crime. Segundo a corporação, uma das motocicletas que perseguiu a vítima ainda levava um terceiro homem na garupa. O caso foi registrado no 47º DP (Capão Redondo).

Tudo o que sabemos sobre:
pmmortoJardim Souza

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.