PM é morto em assalto no Capão Redondo

Criminosos balearam policial na Rua Rosário Scamardi e fugiram com sua moto

Gheisa Lessa, O Estado de S. Paulo

30 Novembro 2012 | 14h59

Atualizada às 15h35

SÃO PAULO - Um policial militar foi morto a tiros em um assalto no Capão Redondo, na zona sul de São Paulo, na manhã desta sexta-feira, 30. O soldado Adriano Garcia Barbosa, do 37º Batalhão, chegou a ser socorrido ao pronto-socorro do Hospital M'Boi Mirim, mas não resistiu aos ferimentos. A PM não soube informar se ele estava à paisana ou não.

O soldado trafegava de moto na Rua Rosário Scamardi, por volta das 6h de hoje, quando foi abordado por dois bandidos que anunciaram o roubo. Barbosa reagiu ao assalto e acabou atingido por quatro tiros - três no tórax e um no rosto. Os criminosos fugiram do local com a moto do agente.

O PM foi levado ao Hospital Municipal M'boi Mirim por uma viatura do de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). De acordo com a assessoria de imprensa da unidade de saúde, ele deu entrada no hospital às 6h04 e teve o óbito decretado às 6h45, após manobras de ressuscitação frustradas. 

O caso é investigado pelo Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP).

Mais conteúdo sobre:
pm, morto, capão redondo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.