PM é baleado e 10 bandidos são presos em UPPs

Confrontos entre policiais e suspeitos de envolvimento com tráfico deixaram ontem um policial ferido em estado grave e causaram a detenção de oito adultos e de dois menores em duas comunidades pacificadas. Até as 22 horas, com apoio de seu blindado, o "caveirão", o Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) procurava os atiradores.

Alessandra Saraiva, O Estado de S.Paulo

11 de setembro de 2011 | 00h00

Os conflitos ocorreram nos morros do Fallet/Fogueteiro, em Santa Teresa, e da Providência, no centro do Rio. Segundo a Secretaria de Segurança do Estado, dois policiais de patrulha no Fogueteiro, no início da noite de ontem, abordaram um grupo de oito a dez homens, que reagiu a tiros. Um dos policiais foi baleado no abdome e na garganta.

Ainda à tarde, outro confronto não deixou feridos. Policiais militares receberam denúncia tráfico de drogas em uma casa na Providência e, ao chegarem lá, foram recebidos a tiros. Foram detidos oito adultos e dois menores - a quantidade de drogas apreendida não foi divulgada.

Conflitos entre policiais, suspeitos de envolvimento com tráfico e moradores das comunidades pacificadas têm aumentado. Em junho, no Morro da Coroa, no centro, três policiais foram atingidos por uma granada. Em agosto, no Morro Turano, na zona norte, PMs foram atacados ao tentarem encerrar um baile funk. Os embates mais violentos ocorreram neste mês, no Complexo do Alemão e na Cidade de Deus.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.