PM de folga é morto em tentativa de assalto na zona sul de SP

Reginaldo Godoi Tacioli, de 46 anos, que ia pescar com o filho, parou em um posto de gasolina no Jardim São Luís para calibrar o pneu, quando foi abordado por dois homens e baleado

Juliana Diógenes, O Estado de S.Paulo

02 Abril 2016 | 19h13

Um policial militar de folga, que estava indo pescar com o filho, foi baleado e morreu na manhã deste sábado, 2, após uma tentativa de assalto no Jardim São Luís, na zona sul da capital paulista. O cabo Reginaldo Godoi Taiacoli, de 46 anos, estava na corporação desde julho de 1989, segundo informações da Polícia Militar.

Às 5h20, Taiacoli estava acompanhado do filho em um posto de gasolina na Avenida Maria Coelho Aguiar. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública (SSP), imagens de câmeras de segurança mostram que o PM estava abaixado, calibrando o pneu, quando foi rendido por um suspeito armado e um comparsa. 

A dupla localizou a pistola do cabo e atirou nele. Em seguida, os homens fugiram levando a arma do PM, mas sem levar pertences. A vítima foi socorrida por policiais e ainda respirava quando foi levada ao pronto socorro do Campo Limpo, também na região sul, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu. 

De acordo com a PM, a família pediu para que não fossem divulgadas informações sobre o filho do PM, que ficou em estado de choque.

A SSP informou que foram solicitadas a perícia no local e as imagens de câmeras do posto de gasolina. O caso foi registrado no 47º Distrito Policial (Capão Redondo) como roubo seguido de morte.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.