PM apreende oito granadas do tráfico de drogas em Osasco(SP) e Niterói(RJ)

Na cidade fluminense houve tiroteio com traficantes, porém nas duas ocorrências ninguém foi preso

Ricardo Valota, O Estado de S. Paulo,

31 Agosto 2012 | 04h37

SÃO PAULO - Policiais militares da Força Tática do 20º Batalhão, apreenderam quatro granadas e estouraram um laboratório de refino de drogas montado pelo tráfico no Morro do Socó, no Jardim Munhoz Júnior, no extremo norte de Osasco, no limite com Barueri, na Grande São Paulo, no início da madrugada desta sexta-feira, 31, após uma denúncia anônima.

 

Alertados, os PMs foram até a região e, na casa 17 da Passagem da Realidade, confirmaram o que havia sido denunciado, porém ninguém foi preso. No local, além dos explosivos, havia mais de 10 quilos de cocaína, éter, álcool, talco, prensa, forno, misturador, balança de precisão, peneiras, bandejas, panelas e outros apetrechos utilizados no preparo e comercialização da droga.

 

O Grupo de Ações Táticas Especiais (GATE) da Polícia Militar foi acionado para avaliar as granadas, emitir um relatório técnico e enviar o documento que será anexado ao inquérito policial. O caso foi registrado no 10º Distrito Policial de Osasco, do Jardim Helena Maria

 

Tiroteio. Outras quatro granadas foram apreendidas pela Polícia Militar após uma troca de tiros com suspeitos na Favela da Grota, próximo à Estrada da Cachoeira, em Niterói, Região Metropolitana do Rio, na noite desta quinta-feira, 30. Após a abordagem e o confronto, que não resultaram em prisões nem em feridos, os PMs, além das granadas, todas de fabricação caseira, encontraram um colete à prova de balas, um radiotransmissor, meio quilo de maconha, 14 trouxinhas da mesma droga, 28 papelotes de cocaína e 379 pedras de crack. O material foi levado para a Delegacia de Jurujuba (79ªDP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.