PM aposentado morre durante assalto no litoral paulista

Tenente Marcos Ferreira Veiga tentou sair da loja mas ele foi abordado do lado de fora

Ricardo Valota, do estadão.com.br

10 de setembro de 2010 | 05h31

SÃO PAULO - Recém-aposentado pelo 8º Batalhão de Policiamento Militar Metropolitano (8BPM/M), cuja sede fica na zona leste de São Paulo, o 2º Tenente Marcos Ferreira Veiga, de 48 anos, foi morto a tiros, por volta das 21 horas de quinta-feira, 9, durante um assalto a um bar na Avenida Presidente Castello Branco, na Vila Mirim, em Praia Grande, litoral paulista.

De passeio com a família, o policial reformado foi baleado no peito e morreu quando era atendido no pronto-socorro do Jardim Quietude. Não se sabe se Veiga tentou reagir nem se os bandidos levaram alguma coisa dele.

Apenas o documento de uma arma foi localizado com o ex-policial. Segundo testemunhas, dois homens entraram no bar e começaram a revistar clientes e funcionários.

Ao perceber que também seria revistado, Veiga tentou deixar o local sem que a dupla percebesse, mas foi baleado do lado de fora do estabelecimento, supostamente por um terceiro assaltante. Os criminosos, segundo o que a polícia apurou com as testemunhas, fugiram em um Voyage escuro, cuja placa não foi anotada.

Os bandidos levaram um celular de uma das vítimas e R$ 350,00 do estabelecimento. O caso foi registrado como roubo seguido de morte no Distrito Policial Sede de Praia Grande.

Mais conteúdo sobre:
PM, aposentado, Praia Grande

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.