Pioneiro trocou restaurante por carreira política

Antonio Aparecido de Pereira, o Cido, foi eleito vice-prefeito de Cordeiros em 2008, na chapa com José Roberto de Oliveira, o Zé de Betina, ambos pelo PT. Cido diz ter sido o primeiro cordeirense a trabalhar em um restaurante japonês de São Paulo, em 1986. Trocou o sushi pela política em 2007, mas está arrependido. Em janeiro deste ano, após uma novela de liminares, eles foram cassados sob a acusação de compra de votos. O episódio teria se dado da seguinte forma: três ônibus, com cerca de 90 pessoas, teriam sido contratados por eles para buscar cordeirenses em São Paulo para votar. E a chapa deles ganhou por uma diferença de cerca de 110 votos. Cido nega. "Cada um pagou sua passagem. Fui cassado sem provas", diz ele, que, segundo boatos, ficou rico com sushis e montará uma fábrica de cerâmica.

, O Estado de S.Paulo

19 Fevereiro 2011 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.