Pilotos do Legacy serão ouvidos por videoconferência

Os pilotos americanos Joseph Lepore e Jan Paul Paladino, réus na ação penal sobre a tragédia do voo 1907 da Gol, que deixou 154 mortos em setembro de 2006, serão interrogados por videoconferência em 30 e 31 de março. A data da audiência foi designada ontem pelo juiz federal Murilo Mendes, da Vara de Sinop (MT). Os pilotos serão ouvidos na Embaixada do Brasil em Washington. No Brasil, a videoconferência será realizada na sede do Departamento de Recuperação de Ativos, no Ministério da Justiça, em Brasília.

, O Estado de S.Paulo

12 de fevereiro de 2011 | 00h00

Lepore e Paladino tinham saído de São José dos Campos a bordo do jato Legacy rumo ao norte do País quando o aparelho colidiu no ar com o Boeing que ia de Manaus a Brasília. O avião da Gol caiu em região de difícil acesso na Floresta Amazônica. Os pilotos do Legacy nada sofreram.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.