Piloto e fotógrafo morrem em queda de helicóptero na floresta da Tijuca

Um helicóptero caiu às 20h30 de anteontem na floresta da Tijuca, zona norte do Rio, e os dois ocupantes morreram. A aeronave, modelo Robson 44, da empresa Nat Aero Táxi, havia decolado do Aeroporto Santos Dumont, no centro, para o Aeroporto de Jacarepaguá, na zona oeste. Ainda não se sabe a causa do acidente, que é investigado pelo 3.º Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos.

, O Estado de S.Paulo

12 de setembro de 2011 | 00h00

O helicóptero era pilotado por Erick Ramiro Freitas, de 25 anos, filho do dono da Nat Aero Táxi e de uma escola de pilotagem. Era considerado piloto experiente. Também estava a bordo o fotógrafo Adamastor Sobrosa Filho, de 54 anos, que faria fotos aéreas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.