Piloto e co-piloto da TAM prestam depoimento em SP

Um piloto e um co-piloto da companhia aérea TAM, que estariam voando em horário próximo ao acidente com o Airbus da TAM, no dia 17 de julho, prestam depoimento, nesta sexta-feira, na polícia de São Paulo.   De acordo com a assessoria de imprensa da Secretaria Estadual de Segurança, eles serão ouvidos a partir das 15 horas, no 27º Distrito Policial do Campo Belo, na zona sul da cidade, pelo delegado Antonio Carlos Meneses Barbosa.Segundo a secretaria, os dois, cujos nomes não foram divulgados, integravam o vôo 3414 da TAM, que fazia seu percurso no instante em que aconteceu a tragédia com o Airbus A320 da empresa na região de Congonhas.   As informações dão conta de que, momentos após o choque do aparelho comandado por seus colegas, eles teriam mantido conversa via rádio com o piloto de uma aeronave da Gol. Teriam feito uma crítica aos pousos na pista de Congonhas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.