PF prende em Niterói dupla acusada de clonar cartões

Mulheres devem pertencer a quadrilha especializada em clonar cartões e falsificar documentos no Rio

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

22 de novembro de 2007 | 14h42

Duas mulheres foram presas na manhã desta quinta-feira, 22, em Niterói, Rio de Janeiro, acusadas de pertencer a uma quadrilha especializada em clonar cartões de débito e crédito, além de falsificação de documentos. Juliana Simões Severo, de 19 anos, e Simone Teixeira Albuquerque, de 28 anos, foram presas. Com elas, foram apreendidos mais de 150 cartões clonados e cinco aparelhos para leitura e captura de dados, conhecidos como "chupa cabra". A quadrilha operava, principalmente, nos municípios de Niterói e São Gonçalo. Uma outra pessoa continua foragida.

Tudo o que sabemos sobre:
Polícia FederalClonagem de cartões

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.