Polícia Federal
Polícia Federal

PF faz a maior apreensão do ano com 2,9 toneladas de maconha

Também foram apreendidos 15,3 kg de cocaína; três pessoas foram presas em flagrantes na zona leste

Gheisa Lessa - Central de Notícias,

04 de junho de 2012 | 14h21

São Paulo, 4 - A Polícia Federal apreendeu 2,9 toneladas de maconha, 15,3 quilos de cocaína e dois veículos na noite do último sábado, 2, no bairro Iguatemi, na zona leste de São Paulo. De acordo com a polícia, a ação representa a maior apreensão de maconha desde ano na capital paulista.

Três pessoas foram presas em flagrante em um galpão onde agentes da Polícia Federal encontraram um caminhão-baú. Os policiais federais verificaram que o caminhão estava com um fundo falso aberto e que o revestimento suas portas laterais havia sido removido.

A polícia vistoriou os materiais que estavam escondidos no caminhão e encontraram centenas de tijolos de maconha prensada. Após encontrarem a carga ilegal, os agentes federais realizaram uma busca mais detalhada no caminhão e mais tijolos contendo cocaína.

Os três homens que estavam no galpão, dois veículos, um caminhão-baú e um veículo de passeio, foram conduzidos à Superintendência da Polícia Federal em São Paulo assim como toda a quantidade de droga apreendida, de acordo com a Polícia Federal.

Os presos responderão na medida de suas participações, pelos crimes de formação de quadrilha, associação para o tráfico e tráfico de drogas, cujas penas podem atingir 15 anos de reclusão.

Outro caso. Oito pessoas foram presas em flagrante e 864 tijolos de maconha apreendidos na noite do sábado, 2, na Avenida Augusto Antunes, na zona leste de São Paulo. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Estado (SSP), o grupo responde por tráfico de drogas.

Uma denúncia anônima informou ao batalhão da Ronda Ostensiva Tobias Aguiar (Rota), que uma reunião com criminosos iria acontecer em uma cooperativa de lotação. Foram passadas também, de acordo com a SSP, marcas e modelos dos carros que iriam participar deste encontro.

Os policiais militares foram até o local e dois homens de 34 e 35 anos com tabletes de maconha, uma balança, três celulares, aparelhos de tablet, além de R$150 mil.

A SSP afirma ainda que outra viatura, que fazia ronda pelo local, encontrou uma Kombi e um Volkswagen Fox, também citados pela denúncia. Nos veículos estavam três homens, identificados como: R.S. R., 29 anos, R.A. F., 44 e o cobrador C.A. B., 35 anos.

Com eles, foram encontrados três celulares, R$ 1 mil e, dentro dos carros, diversos tabletes de maconha. O cobrador, de 35 anos, apresentou documento falso, pois era foragido da justiça, afirma a assessoria da Polícia Civil.

Uma caminhonete Corsa, que também foi citada na denúncia, também acabou sendo encontrada nas proximidades da Avenida. Dentro, da caminhonete, estavam os suspeitos Z. P. F., 31 anos e P. R. S., 35. No veículo foram encontrados mais tijolos de maconha.

Mesmo depois de apresentarem os indiciados ao Departamento de Investigação Sobre Narcóticos (Denarc), o batalhão da Rota voltou a receber outra denúncia. Neste momento, a informação dizia que na Avenida Augusto Antunes com Rua Ibiriba, havia um galpão com drogas. Os policiais militares foram até o local e encontraram J.R. F, de 57 anos com mais tabletes de maconha.

Todos os homens detidos foram indiciados e presos em flagrante.

Tudo o que sabemos sobre:
drogastráficomaconhasp

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.