Clayton de Souza/Estadão
Clayton de Souza/Estadão

PF e Receita apreendem 233 quilos de cocaína em navio no Porto de Santos

Embarcação com bandeira de Cingapura viajaria para Antuérpia, na Bélgica; droga estava dividida em 200 tijolos escondidos em uma carga de carvão

Luiz Alexandre Souza Ventura, Especial para o Estado

28 de novembro de 2016 | 12h37

SANTOS - Agentes da Receita Federal e da Polícia Federal apreenderam na noite deste sábado, 26, 233 quilos de cocaína dentro do navio Cap San Artemissio, de bandeira de Cingapura, atracado em um terminal da Margem Esquerda do Porto de Santos, no litoral sul de São Paulo, e que seguiria viagem para Antuérpia, na Bélgica.

A droga estava dividida em 200 tijolos, separados em sete mochilas que foram escondidas no meio de uma carga de carvão. Os agentes faziam uma operação quando flagraram alguns homens em um pequeno barco parados ao lado do navio enquanto um grupo, já no interior do cargueiro, içava os pacotes.

Os suspeitos conseguiram fugir antes da aproximação dos policiais. De acordo com o Sindicato dos Estivadores de Santos, São Vicente, Guarujá e Cubatão (Sindestiva), quatro trabalhadores portuários - três estivadores e um da limpeza - foram conduzidos à delegacia da PF, em Santos, prestaram depoimento como testemunhas e foram liberados. Não há informações sobre prisões.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.