PF desarticula quadrilhas que distribuíam R$ 1,5 milhão em notas falsas por mês

A Polícia Federal desarticulou duas organizações criminosas que distribuíam na praça R$ 1,5 milhão por mês em dinheiro falso. Ao longo do mês e em duas operações, foram presos nas zonas norte e sul da capital paulista 25 acusados de fabricar e colocar em circulação moeda falsa. Entre os detidos está um integrante da facção criminosa PCC. Ao todo, 38 suspeitos foram indiciados.

O Estado de S.Paulo

20 Julho 2012 | 03h05

A PF deflagrou as Operações Moedeiros e Holograma no início do mês. A investigação foi concluída na quarta-feira pela Delegacia de Repressão a Crimes Fazendários

A PF estima que o bando tenha executado 300 mil fraudes no País desde 2000 - cada fraude relativa a uma transação.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.