PF apreendeu carros de luxo

Polícia Federal detona a Operação Hurricane. A PF apreende 30 carros de luxo e usa carro-forte para transportar valores até um banco.

O Estado de S.Paulo

14 Março 2012 | 03h03

O ex-procurador-geral da República Aristides Junqueira tenta, como advogado, anular os processos ligados à Operação Hurricane.

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) aposenta compulsoriamente dois envolvidos: José Eduardo Carreira Alvim do Tribunal Regional Federal da 2.ª Região e o ministro Paulo Medina do STJ.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.