Pessoa é baleada em posto de gasolina e morre na zona norte de SP

Polícia não soube informar o que motivou o assassinato no Mandaqui; vítima chegou a ser socorrida, mas não resistiu

Ítalo Reis, do estadão.com.br, atualizado às 16h21

07 de março de 2012 | 15h47

SÃO PAULO - Uma pessoa foi baleada na tarde desta quarta-feira, 7, dentro de um posto de gasolina na zona norte de São Paulo. De acordo com a Polícia Militar, o indivíduo foi socorrido pelos agentes que atenderam a ocorrência, mas chegou morto ao hospital.

A PM não soube informar o motivo que gerou o assassinato no estabelecimento da Avenida Santa Inês, no Mandaqui. A vítima, que ainda não foi identificada, foi levada para o pronto-socorro do bairro.

Segundo relato de funcionários do posto de gasolina à polícia, o suspeito de ter efetuado os disparos era uma pessoa de camiseta branca. A PM foi acionada por volta das 12h50.

De acordo com testemunhas que estavam próximas à região do posto, a vítima estava dentro do carro, na fila para abastecer, quando teria sido baleada no peito e na cabeça. O homem suspeito saiu correndo após fazer os disparos e fugiu num veículo prata que estava numa rua da região. Foram ouvidos mais de dois tiros.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.