Perseguição a carros roubados termina em acidente na zona leste de SP

Veículos foram perseguidos em Iguatemi e na Vila Alpina; um menor foi apreendido e dois bandidos fugiram

Bruno Lupion e Ricardo Valota, do estadão.com.br,

23 de junho de 2010 | 02h14

 

SÃO PAULO - Duas perseguições a carros roubados terminaram em acidente na noite de terça-feira, 22, na zona leste de São Paulo.

 

Um adolescente de 14 anos foi apreendido após roubar um carro e colidir contra o muro de um batalhão da Polícia Militar durante a fuga, na noite desta terça-feira, 22, em Iguatemi. Um comparsa conseguiu fugir.

 

A vendedora R.S.S., 50 anos, dona do Fiat Fiesta prata, deixou sua mãe em casa, na Rua Morro do Ouro, e conversava na calçada com uma vizinha quando foi rendida pela dupla, por volta das 21 horas. Ela foi atirada no chão e entregou as chaves do carro.

 

R.S.S. tinha acabado de refinanciar a dívida da compra do veículo, após ficar quatro meses sem pagá-la. "Passei o dia inteiro correndo atrás de cartório e banco, para não perder o carro, e consegui parcelar o que falta em 48 vezes. Aí acontece isso", afirmou. O carro não tem seguro. "Dependia dele para trabalhar e agora fiquei com essa dívida".

 

Após o assalto, ela gritou por socorro e chamou a atenção de policiais da 5ª Companhia do 38º Batalhão, que fica a cerca de cem metros do local do crime. Eles iniciaram a perseguição - durante a qual o comparsa desceu do carro e fugiu correndo - até que o adolescente perdeu o controle, bateu numa árvore e foi parar no muro do batalhão. O caso foi registrado no 49º DP (São Mateus).

 

Vila Alpina

 

Uma hora e meia depois, na Vila Alpina, uma viatura da Polícia Militar colidiu contra a traseira de um Fiat Stilo prata roubado durante perseguição.

 

O dono do veículo, um jovem de 23 anos, estava na Rua Campos Novos, na Vila Prudente, entrando em casa após voltar da faculdade, quando foi abordado por um homem armado. Ele entregou o veículo e avisou a polícia.

 

Uma viatura em patrulha cruzou com o Fiat Stilo e começou a persegui-lo. Na Rua Frei Antônio de Guadalupe, altura do número 64, o ladrão colidiu com um Ford Ecosport e, em seguida, em um Honda Fit. A viatura não conseguiu parar e bateu na traseira do carro roubado.

 

Segundo a polícia, o ladrão desceu do veículo atirando e os policiais revidaram. Ninguém foi atingido e o criminoso conseguiu fugir. O crime foi registrado no 56º DP (Vila Alpina).

 

Tudo o que sabemos sobre:
perseguição, carro, acidente

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.