Pelo interior: De Itu para o mundo

Repórter José Maria Tomazela estreia coluna Pelo Interior que revela as particularidades das cidades paulistas

José Maria Tomazela, de O Estado de S.Paulo

14 Março 2012 | 11h34

Rochas de Itu podem virar patrimônio da Unesco

Itu iniciou processo para que o Parque do Varvito, que preserva um raro tipo de rocha sedimentar perto de sua área urbana, seja reconhecido pela Unesco como patrimônio geológico da humanidade. O primeiro passo foi dado com a elevação do Varvito à condição de Monumento Geológico Paulista, no fim de 2011. As rochas são do período de glaciação, ocorrido há 280 milhões de anos.

TURISMO & LAZER

Vai dar praia entre Sorocaba e Campinas

Um lago de 12 km de extensão e 1,6 km de largura e capacidade para 5 bilhões de litros de água vai se formar entre Sorocaba e Campinas para abastecer 600 mil pessoas até 2040. O projeto de uma barragem no Rio Piraí, que nasce na Serra do Japi, em Cabreúva, e deságua no Rio Jundiaí, em Salto, está em análise em órgãos ambientais do Estado. Além de Salto e Cabreúva, atenderá Itu e Indaiatuba. A região está entre as que mais crescem no Estado e tem pouca água. As cidades querem aproveitar o lago para esportes náuticos e turismo – planeja-se até praia de água doce. Convênio com a Caixa no PAC2 garantiu ao consórcio formado pelos quatro municípios R$ 57 milhões. O projeto executivo fica pronto em 6 meses, mas a obra só deve começar em 2013.

BAURU

Após 2 anos, Lei das Carroças não emplaca

Bauru tem ao menos uma centena de charretes e carroças, mas apenas uma delas é legalizada. O decreto-lei 11.123/2010, conhecido como Lei das Carroças, obriga o condutor a fazer vistoria e curso de condução, emplacar o veículo e instalar microchip no cavalo. Passados quase dois anos, só um carroceiro se apresentou, o que levou a prefeitura a concluir que a lei não pegou. Estuda-se agora como torná-la mais acessível.

ARARAQUARA

Boeing vai virar bar e restaurante

A partir de abril, moradores de Araraquara, a 250 km da capital, poderão passar suas happy hours a bordo de um legítimo Boeing 737-200. Mas a aeronave não sairá do chão. O avião fazia parte da massa falida da Vasp e foi adquirido em um leilão pelo piloto comercial Edinei Capistrano da Silva.

Ele apresentou à prefeitura projeto para transformar o Boeing em bar e restaurante e instalá-lo em uma área no Jardim Maria Luísa. O avião será transportado por carretas, desmontado, de São Paulo para Araraquara.

2 PERGUNTAS PARA...

Herculano Passos Jr, da Associação das Cidades Estâncias de SP

1.O senhor apoia a criação de estâncias em SP?

Temos 67 estâncias e mais de cem cidades querendo entrar. Há um plano de adotar sistema de rebaixamento anual, em que estâncias com piores indicadores perderiam a condição. Mas somos contra tratar cidade como time.

2.Quanto mais estâncias, menos recursos?

O recurso é proporcional ao número. O cálculo leva em conta arrecadação de ICMS de cada cidade. Metade do bolo é dividida igualmente, metade é proporcional à arrecadação. Uma cidade pequena recebe hoje R$ 1,8 milhão; as maiores, até R$ 25 milhões.

Mais conteúdo sobre:
pelo interior

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.