Pela internet, artistas pedem o fim da greve

Claudia Leitte diz que a Bahia está 'ferida' e Preta Gil pede o engajamento de gente famosa na campanha a favor da paz

O Estado de S.Paulo

08 de fevereiro de 2012 | 03h05

A proximidade do carnaval e a demora na apresentação de uma solução para a greve policial fizeram com que alguns dos principais artistas baianos promovessem uma campanha na internet pelo fim do conflito. No Twitter, a hashtag #ABahiapedePaz contava ontem à noite com o apoio de Preta Gil, Netinho, Scheila Carvalho e os grupos Eva e Jammil e Uma Noites.

Claudia Leitte também participa do movimento online. Em seu blog, a cantora escreveu que a Bahia está "ferida". "Quando impedem o nosso ir e vir, quando cerceiam nossa liberdade e tiram a alegria que é uma marca em nosso povo, em nossa terra, algo de muito grave está acontecendo. Chega de radicalismo. Rogo às partes que busquem no entendimento a solução para esse impasse que tanto penaliza os baianos e os que nos visitam", escreveu, no domingo.

No Twitter, Preta Gil é a mais engajada. Ontem à tarde, ao pedir apoio à manifestação, a cantora afirmou que "tá na hora de os artistas influentes colocarem a mão na massa".

Desde o início da paralisação da Polícia Militar da Bahia, em 1.º de fevereiro, diversas apresentações musicais já foram canceladas. Não apenas em Salvador, como também em cidades do sul da Bahia, como Itabuna, Ilhéus e Porto Seguro. O motivo é a falta de segurança. / A.F.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.