Hélvio Romero/AE
Hélvio Romero/AE

Pela 2ª vez, Pastel da Maria é o melhor de SP

Comerciante nascida no Japão diz que no ano que vem quer participar só como jurada

Fabiano Nunes, O Estado de S.Paulo

23 de agosto de 2011 | 00h00

Raspas de limão siciliano ajudaram o Pastel da Maria a ser eleito o melhor pastel de feira da cidade de São Paulo neste ano. A novidade na receita do recheio do pastel de carne foi a aposta da comerciante Maria Huniko Yonaha, de 59 anos, para retomar o título que conquistou em 2009, na primeira edição do concurso.

Agora, Maria pretende ampliar ainda seus negócios. Além de uma loja na Rua Fradique Coutinho, em Pinheiros, zona oeste, ela montou uma franquia com a marca de sua barraca. "No mínimo serão dez novas lojas nos próximos meses. Os franqueados terão de comprar meus pastéis, não posso arriscar minha marca. E vou manter o tempero caseiro", afirmou a pasteleira.

Natural de Osaka, no Japão, ela recebeu prêmio de R$ 8 mil e anunciou que não vai participar do concurso no ano que vem. "Quero dar oportunidade para outras barracas. Pretendo participar como jurada", disse. Para a competição deste ano, Maria também instalou uma pia em sua barraca, para agradar aos clientes que desejam lavar as mãos.

Em segundo lugar, ficou a Pastelaria Erenito, que levou um prêmio de R$ 2 mil. A barraca de pastel Agena, campeã do ano passado, foi classificada em terceiro, com prêmio de R$ 1 mil. Os ganhadores foram escolhidos por um júri especializado composto por chefs de cozinha, jornalistas e críticos de gastronomia. Na fase final, apenas o pastel de carne foi avaliado. Os critérios analisados são sabor, atendimento e higiene.

O concurso teve três fases. Na primeira, 800 feiras inscritas foram avaliadas pela população. Depois, jurados visitaram as 43 melhores barracas, de onde saiu a lista com dez finalistas. Logo após a premiação, o prefeito Gilberto Kassab foi até a barraca de Maria, onde comeu um pastel de queijo "light", segundo ele.

A comerciante disse que vai dividir o prêmio entre seus funcionários. "Há dois anos, eu tinha 12 funcionários. Com o sucesso da barraca, hoje tenho mais de 40", afirmou, orgulhosa.

Caldo de cana. Os mais bem colocados de cada região ainda ganharão placa de apresentação e certificados. Vencedores terão direito a vender pastéis em eventos com patrocínio da Prefeitura, como Virada Cultural e Parada Gay. Também foram eleitos neste ano os dez melhores caldos de cana da cidade. O concurso do Circuito da Garapa contou com voto popular, mas não houve classificação por colocação.

RECEITA DO RECHEIO

Ingredientes

1 kg de patinho moído, 1 cebola picada, 2 tomates picados sem semente, 3 dentes de alho, 1 colher de chá de glutamato monossódico, salsinha a gosto, sal, azeite, azeitona e raspas de limão siciliano.

Modo de preparo:

Em uma panela, doure o alho, uma cebola e a carne. Refogue e coloque em uma peneira. Deixe escorrer todo líquido e reserve.

Em outra panela, refogue meia cebola e os tomates picados. Acrescente a carne ao refogado. Depois, coloque a salsinha, o glutamato monossódico e as raspas de limão por último. Monte os pastéis e frite em óleo quente.

Serviço

PASTEL DA MARIA. PRAÇA CHARLES MILLER (3ª, 5ª E 6ª). RUA CAPITÃO MANOEL NOVAES, NO JARDIM SÃO BENTO (4ª). ALAMEDA SUBTENENTE FRANCISCO HIERRO, NO PARQUE NOVO MUNDO (SÁBADO). RUA DOS TRILHOS, NA MOOCA (AOS DOMINGOS).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.