Paulistanos enfrentam tarde mais fria do ano

Às 15 horas, no Mirante de Santana, na zona norte da cidade, foram registrados 16,8ºC, menor temperatura máxima na capital paulista desde o dia 9 de outubro de 2009

Fabiana Marchezi, do estadão.com.br

01 de junho de 2010 | 16h30

SÃO PAULO - A primeira tarde de junho foi a mais fria do ano na capital paulista, segundo a Climatempo.

 

Às 15 horas, no Mirante de Santana, na zona norte da cidade, foram registrados 16,8ºC, a menor temperatura máxima na capital paulista desde o dia 9 de outubro de 2009, quando a mesma estação registrou 15,6ºC. O recorde anterior de temperatura mais baixa numa tarde de 2010 era de 18,6ºC no dia 20 de maio.

 

A referência para as medições meteorológicas na cidade de São Paulo é o valor registrado no termômetro de temperatura máxima da estação convencional do Mirante de Santana. Tecnicamente, este valor só será conhecido depois das 21 horas desta terça-feira. Este horário é padrão no mundo. Mas a leitura da temperatura às 15 horas, em geral, é igual ou um pouco menor do que o valor que será lido às 21 horas.

 

Porém, a diferença entre o recorde atual e a temperatura das 15 horas é de 1,8ºC. É uma diferença grande e a chance de ser compensada é quase nula, pois a cidade permanece nublada no decorrer da tarde e a noite de hoje.

 

Por volta do meio-dia, a temperatura chegou aos 17ºC no Campo de Marte, na zona norte da capital paulista. Mas às 14 horas, foram registrados apenas 15ºC.

 

Na zona sul, uma região normalmente mais fria, a temperatura no aeroporto de Congonhas não passou dos 15ºC. O céu nublado vem predominando desde cedo em toda a cidade e a manhã foi marcada por chuva leve. O sol até apareceu um pouquinho no início da tarde, mas não foi suficiente para esquentar o ar. O excesso de nuvens e a forte massa polar que entrou na capital paulista estão deixando a temperatura baixa.

 

Para esta noite, a previsão é de muito frio. A próxima madrugada deve ser marcada por frio recorde. A menor temperatura mínima de 2010 no Mirante de Santana, até agora, é de 11,2ºC e ocorreu no dia 13 de maio. Nesta terça-feira, a mínima foi de 12,7ºC. A temperatura mínima prevista para esta quarta-feira, 2, é de 10ºC.

 

Amanhã, o dia deve amanhecer nublado com névoa e ainda pode garoar durante a madrugada e no começo da manhã. A temperatura segue baixa. Segundo os meteorologistas da Climatempo, a expectativa é que o sol apareça na Grande São Paulo. A temperatura ao amanhecer desta quarta-feira poderá ser recorde.

 

Na quinta-feira, 3, feriado de Corpus Christi, o dia deve amanhecer com neblina e frio em São Paulo. Ainda de manhã, o sol aparece. Apesar do frio, à tarde de quinta-feira, não será tão fria como os últimos dias.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.