Passeata contra maus-tratos a animais reúne 5 mil pessoas na Avenida Paulista

Manifestação estava prevista para acontecer também em outras cidades do país

22 de janeiro de 2012 | 13h00

Atualizado às 5h30 (23/01/2012)

SÃO PAULO - Cerca de cinco mil pessoas, segundo a Polícia Militar, participaram de uma passeata pela Avenida Paulista, em São Paulo, na manhã deste domingo, 22, em prosteto pela crueldade e maus-tratos cometidos contra animais.

A começou às 10 horas. O grupo saiu do Masp (Museu de Arte de São Paulo) e seguiu por uma faixa da avenida em direção à Praça do Ciclista, na Rua da Consolação.

Após a caminhada, os manifestante realizaram um protesto contra Dalva Lima da Silva, moradora da Vila Mariana, na zona sul da capital paulista, acusada de matar 39 animais domésticos. Os manifestantes foram até a casa dela e depois seguiram para a casa da mãe de seu ex-marido, onde ela estaria. Houve confusão e a PM foi chamada para proteger os moradores.

Manifestações simultâneas estavam previstas para acontecer em outras cidades do País e até mesmo em Nova York (EUA), segundo informações do site 'Manifestação Crueldade Nunca Mais'. A entidade pede mudanças na legislação e penalização correta e efetiva para quem comete crueldades e maus-tratos contra os animais.

Segundo a coordenação da manifestação, no Rio de Janeiro, mesmo com o sol forte, centenas de pessoas se reuniram na Praia de Copacabana, em frente ao Copacabana Palace, para o protesto. 

 

Veja imagens da manifestação:

 

 

Tudo o que sabemos sobre:
Paulistaanimaispasseata

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.