Passageiros da CPTM enfrentam mais uma manhã de problemas

Vandalismo em equipamento e defeito em composição foram registrados nas linhas 11 e 12

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

20 Abril 2012 | 06h39

SÃO PAULO - O vandalismo em um equipamento responsável por sinalização de via durante a madrugada desta sexta-feira, 20, provoca restrições na circulação dos trens na linha 12 (Safira) da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) entre as estações Engenheiro Manoel Feio, em Itaquaquecetuba, e Calmo Viana, em Poá, região leste da Grande São Paulo.

 

Neste trecho, desde as 4 horas, horário de início das operações, os trens circulam apenas por uma via, alternadamente, o que causa um tempo maior de espera nas plataformas. Como o movimento neste horário é maior em direção à capital paulista, algumas composições estão sendo disponibilizadas vazias no sentido Brás. Não há previsão de restabelecimento do sistema segundo a CPTM.

 

Por volta das 5h40, na Linha 11 (Coral), uma composição apresentou problemas próximo à estação Guaianazes, na zona leste de São Paulo. Os passageiros tiveram de abandonar o trem para que este fosse recolhido, o que gerou também lentidão na circulação da linha.

Mais conteúdo sobre:
CPTM trens passageiros transporte

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.