Parque de 22 mil metros funciona como compensação

Uma área verde de 22 mil metros quadrados, com espelho d'água que minimiza o calor e árvores que protegem o pedestre do vento, em meio a ciclovia e pista de cooper com 1,4 km. O espaço sem muros é uma espécie de compensação à vizinhança, que poderá usufruir de um projeto de segurança eletrônico e de inovações tecnológicas que preservam o ambiente. As medidas, que podem render um selo ambiental inédito a um empreendimento na América do Sul, incluem sistema de coleta de lixo a vácuo - em que o lixo é sugado por tubulações. /A.F.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.