Parentes pedem prisão de pilotos do Legacy

Passados sete anos do acidente com o voo 1907, da Gol, que em 2006 foi atingido por um jato Legacy pilotado pelos norte-americanos Joseph Lepore e Jan Paul Paladino, matando 154 pessoas, parentes e amigos das vítimas se reuniram ontem em Brasília para cobrar uma punição efetiva dos pilotos. Em outubro do ano passado, o Tribunal Regional Federal da 1.ª Região (TRF1) condenou os pilotos a pena de 3 anos de prisão em regime semiaberto. O caso foi parar no Superior Tribunal de Justiça (STJ).

O Estado de S.Paulo

30 Setembro 2013 | 02h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.